domingo, 27 de dezembro de 2009

MARCELO TAS DO CQC FALA SOBRE EDUCAÇÃO

Como você participa da Educação dos seus filhos?
Marcelo Tas: Participo aprendendo. Atualmente os filhos são fontes de informação para a gente. É claro que eu continuo atuando na transmissão de informação, nos cuidados e no controle. Mas hoje nós temos uma oportunidade imensa de aprender com os filhos. Eles processam e enxergam coisas para as quais nós não temos tempo nem sensibilidade. A Luiza, por exemplo, não me leva tão a sério. Ela frequenta as minhas palestras e vive me parodiando. Tem uma visão em perspectiva de mim. Faz com que eu me veja de um jeito diferente.

Onde os seus filhos estudam?
Marcelo Tas: A Luiza faz faculdade de Direito em Washington. O Miguel estuda no Gracinha (Escola Nossa Senhora das Graças), em São Paulo. E a Clarice faz a pré-escola do Clube Pinheiros, também em São Paulo.

Como você escolheu as escolas?
Marcelo Tas: Um critério que eu considero muito importante é a proximidade de casa. Fazer uma criança ou adolescente perder muito tempo no carro é um crime. Mas as escolhas se deram de formas diferentes. A Luiza é uma menina muito madura que já morou em várias cidades. Ela morava com a mãe no Rio de Janeiro e, quando veio morar aqui, no primeiro ano do Ensino Médio, passou em todos os vestibulinhos que fez. Aí, ela mesma fez a escolha: optou pela Escola da Vila. Não era a que eu queria na época, mas hoje vejo que ela tomou a decisão certa. Para o Miguel, optamos pelo Gracinha por ser uma escola muito boa e perto da nossa casa. Já a pré-escola do Clube Pinheiros, onde a Clarice estuda, é uma escola antiga e tradicional, mas dentro da floresta. Além disso, é uma escola em que os alunos são tratados com muito carinho.

Você frequenta as reuniões de pais e mestres?
Marcelo Tas: Sim, isso é muito importante, porque os filhos acompanham e percebem quando está faltando atenção. Nessas horas, não adianta querer ser pai moderno. É importante dedicar um tempo de qualidade aos filhos, pois, embora muitas vezes não pareça, eles são sensíveis. Mas preciso fazer justiça com a minha mulher. Ela frequenta a escola muito mais do que eu, embora eu não fique longe. Faço questão de ir às reuniões sempre que posso.

Onde você estudou?
Marcelo Tas: Tive uma vida escolar muito nômade. Até os 15 anos, estudei em escola pública na cidade onde nasci, Ituverava, no interior de São Paulo. Meus pais são professores, então tive uma vida muito ligada à Educação. Fiz piano dos 8 aos 15 anos. Estudar era uma coisa tranquila. Sempre estive rodeado de livros e convivi muito com professores. Mas, aos 15 anos, decidi que era hora de mudar. Resolvi ser piloto e fui fazer a Escola Preparatória de Cadetes do Ar, em Barbacena (MG). Essa foi uma experiência fundamental na minha vida, pois passei três anos convivendo com gente do Brasil inteiro e voando nos aviões da FAB de graça. Isso ampliou meus horizontes. Depois, eu fui para São Paulo fazer Engenharia na Escola Politécnica da USP. E foi justamente ali que nasceu o meu amor pela Comunicação, pois eu comecei a editar o jornal de humor anarquista da Poli. Acabei fazendo vestibular para a Escola de Comunicação e Artes (ECA), também da USP, e, durante um tempo, fiz as duas faculdades. Mas eu comecei a me envolver com vídeo, televisão e, de repente, eu não tinha mais tempo para me dedicar aos dois cursos. Então a minha mãe, que é uma pessoa muito sensata, mandou eu terminar pelo menos um deles. Fiz as contas e vi que o mais rápido seria a Poli. E foi o que fiz. Mas, depois disso, percebi que precisava de uma formação mais técnica na área que eu gostava de verdade, que era Comunicação. Aí, ganhei uma bolsa da Comissão Fullbright e fui estudar Cinema e Televisão na New York University. Lá, tive aulas com diretores consagrados, como o Scorcese e o Coppola.

Que professores mais lhe marcaram?
Marcelo Tas: Na quarta série do primário, lá em Ituverava, eu tive uma professora de educação sexual que se chamava Dona Hilda. As aulas dela eram uma total transgressão, pois estávamos em uma cidade muito conservadora. Ela era mulher de fazendeiro, linda. Aquilo foi uma revolução, uma coisa muito moderna para a época, me deixou besta. Era uma excitação dupla, pois ela separava meninos e meninas. Durante a aula das meninas, ficávamos tentando ouvir as perguntas e comentários delas. Outro professor marcante foi o seu Manuel Ramos Pereira, de Português. Ele era muito rigoroso e muito culto. Foi com ele que aprendi o que era poesia, romance, literatura. E também as famigeradas orações subordinadas adverbiais! E teve ainda a Dona Basílica, professora de Admissão, um cursinho que fazíamos para entrar no ginásio. Ela era muito brava, mas muito debochada. Foi naquela época que eu tive a minha primeira namorada. Íamos às matinês e todos ficavam esperando o momento em que eu pegaria na mão da menina.

Você era um bom aluno?
Marcelo Tas: Eu era considerado CDF, porque tirava boas notas. Mas, na verdade, fazia parte da turma do "fundão".

Qual é a importância de estudar sempre?
Marcelo Tas: Nós somos o que lemos, o que aprendemos, o que vivemos na escola. Até o nosso vocabulário é resultado da nossa vivência na escola. Tudo o que acontece nessa fase é muito marcante, tanto na parte emocional quanto na parte pedagógica. Hoje eu sou o que construí durante todos os meus anos de estudo. Mas, na verdade, eu nunca saí da escola. Continuo estudando, fazendo muitos cursos. Educação é uma coisa muito divertida, acabou virando o meu trabalho. Durante cinco anos, trabalhei no Telecurso 2000. Nesse período, mergulhei em matérias formais e em como traduzir esse conteúdo para a televisão. O próprio CQC é uma tentativa de traduzir o mundo em uma linguagem bem humorada. E agora eu vou voltar a fazer um programa para crianças. No dia 31 de dezembro, estreia no Cartoon Network o Plantão do Tas, um telejornal com notícias fictícias.

As redes sociais podem ajudar na Educação?
Marcelo Tas: Sozinha, as redes sociais não fazem nada. Mas elas podem acelerar processos, pois permitem que ideias sejam criadas em conjunto.

Qual é o papel do professor hoje?
Marcelo Tas: O professor não é mais o único provedor. O seu papel é de provocar, instigar, aprender junto, e não de dar respostas prontas. Os professores mais marcantes são justamente aqueles que mais nos inspiram.

Como melhorar a Educação do Brasil?
Marcelo Tas: É muito simples. Basta valorizar a Educação. O problema é que pouca gente faz isso. A Educação deveria ser uma questão estratégica, mas tem sido só blá-blá-blá. Deveríamos seguir o exemplo de países como os Estados Unidos, a Coreia do Sul e até a Argentina

Fonte:

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

GESTORES ESCOLARES AVALIAM O ANO 2009

Do dia 17  ao dia 21 de dezembro, a equipe gestora escolar se reuniu com os professores na realização da avaliação anual da prática pedagógica de 2009.
A reunião ocorreu na sala da direção de forma individual com cada professor. Nela foi proposto ao professor avaliar a direção escolar, equipe técnica pedagógica, secretaria, sala de tecnologias, biblioteca, vigia, monitoria, serviços gerais, merenda e a seguir realizar sua auto-avaliação.
Após as reuniões com os professores e demais servidores da escola, a equipe gestora se reuniu para realizar a sua auto-avaliação. Na ocasião a equipe técnica pedagógica expôs o parecer sobre a direção da escola e a direção sobre a equipe técnica pedagógica.
A avaliação anual visa a melhoria das ações na prática pedagógica buscando a valorização docente e demais servidores em prol da aprendizagem do aluno.  Segundo a direção escolar o ano de 2009, apesar do ritmo frenético e os imprevistos, foi positivo. Diante das situações e/ou os cenários apresentados a equipe gestora, formada pela equipe técnica pedagógica e direção escolar, conseguiu superar os obstáculos e implementar ações para subsidiar o trabalho dos professores. Os professores expuseram a melhoria da qualidade do ambiente escolar, a organização, a disciplina e a limpeza na escola como pontos altamente positivos e diferenciados da escola, além da uniformidade nas ações da equipe gestora. Como pontos negativos foram citados a insuficiência de sala de tecnologias e quadra poliesportiva. Os professores  destacaram que a participação da família é muito importante  para o bom desempenho  do aluno e buscará, na melhoria de desempenho da aluno, a sua participação mais efetiva.
Texto: Giovanni

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

12 LIVROS PARA SEREM LIDOS DOS 2 AOS 18 ANOS

Muito se fala a respeito da leitura e seus benefícios para a educação.
Todavia, nem sempre a escola, enquanto instituição, sabe definir bons livros selecionadas por faixa etária.
Em visita ao blog Eu, Você, Todos pela Educação, encontrei uma dica que pode resolver ou, quem sabe, amenizar este problema.
O artigo trata de uma seleção feita por 18 educadores, considerados livros essenciais para a formação para crianças e jovens da Educação Infantil ao Ensino Médio.
Esta seleção foi feita para o movimento Educar para Crescer. De acordo com os educadores, a seleção serve para obter uma ótima formação e chegar com boas referências à vida adulta. ENDEREÇO : http://educarparacrescer.abril.com.br/livros/


Vale conferir!

ALUNOS PREMIADOS OBMEP 2009

Queremos parabenizar a todos os professores e alunos pela participação e desempenho, como também pelo envolvimento e dedicação às OBMEP na escola.
Os alunos premiados com Certificado de Menção Honrosa nas Olimpíadas Brasileira de Matemática das Escolas Públicas- OBMEP foram:
23º RAFAEL LOPES VILLA;
77º ISADORA LOPES STABILE, 6º ANO TURMA D.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

FÉRIAS : NÃO DÁ PARA EVITAR O CARRO?


Não dá para evitar o carro?
As férias estão chegando. Esta é uma época em que muitas famílias viajam e evitar o uso do carro não é uma opção. O que fazer para diminuir o impacto nocivo sobre o ambiente? O ideal é que o carro possua uma tecnologia que o torne menos poluente e que o motorista dirija com mais consciência. E, caso naõ o seja, que se faça uma boa revisão para evitar desperdício e despesas desnecessárias. É importante tentar evitar o horário de pico de viagens, saindo mais tarde ou mais cedo. Uma dica é consultar as informações na internet ou na mídia a respeito das situações de tráfego. Usando a tecnologia pode-se reduzir as emissões, o tempo de viagem e o possível estresse.
Consuma com consciência
Outra coisa muito importante é evitar pequenas compras de viagens, levando, em pequenos recipientes reutilizáveis, xampu, sabonete e outras necessidades.O reaproveitamento de plástico ou papel para embalagem dos sacos de compras é uma dica muito legal também. Os sacos de compras são perfeitos para manter os sapatos sujos e molhados separados de outros itens na sua mala; e os sacos de papel são ótimos para embalar os lanches para levar no carro.
Proteja o ambiente
A preocupação com o ambiente deve acompanhá-lo onde quer que esteja e, em época de férias, é preciso bastante consciência e respeito com a natureza, se você é um visitante. Principalmente se estiver em um ambiente natural, sinta-se responsável pela preservação desses lugares. E boas férias.


November 30th, 2008 Denise Rangel Postado em Faça sua parte pelo planeta, Proteja o Meio ambiente, Rede Ecoblogs.

CURTA MUITO AS FÉRIAS!

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

APRESENTAÇÕES NATALINAS

Os alunos dos anos iniciais participaram das apresentações natalinas no dia 10 de dezembro:
*3º ano B/D ( professora Adelair), 3º ano E (professora Geni),2º ano C ( professora Ione) e 2º ano I ( professora Denise) cantaram a música 'Então é Natal';
*3º ano A (professora Claudinete) e 2º A ( professora jaqueline) cantaram a música 'Vamos Construir';
* Pré-escolar E ( professora Jaqueline), 1º ano D ( professora Claudinete) e Pré-escolar D ( professora Gilvânia) cantaram a música ' Bate o Sino';
* A professora Denise cantou a música "Canção de Natal' emocionando a todos.
As professoras regentes foram auxiliadas pelas professoras de Artes Josefa e Antonia, professora de Educação Física Diolaine e supervisoras escolares Elaine Cristina e Darci Sakamoto.





































Texto : Giovanni
Fotos: Elaine Cristina

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

FORMATURA PROERD 2009
















No dia 09 de dezembro de 2009 foi realizada a formatura do PROERD 2009.

Quatro escolas municipais participaram do evento: Elízio, Rafaela Abrão, Eduardo Olímpio, e Irene Szukala.






Texto: Giovanni

Fotos : Elaine Cristina

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

MENSAGEM À COMUNIDADE SZUKALA


EQUIPE GESTORA ESCOLAR

( ÀLEX, ANABEL, ELAINE CRISTINA, DARCI, GIOVANNI, KÁTIA E ROSANGELA.)

AMIGOS CORRESPONDENTES


Os alunos dos 6º anos D/E/F/G confeccionaram cartas e cartões de Natal e realizaram a entrega para os 2º anos F/G/H/I.





A produção dessa atividade foi realizada
em conjunto com as turmas dos 6º anos e orientada pelos professores Aparecido, Cristiane, Janete e Josefa ( Coordenadora do Projeto Amigo Correspondente).
Texto : Aparecido
Fotos: Aparecido e Cleusa

terça-feira, 8 de dezembro de 2009

ALUNOS DESTAQUES DO 6º ANO SÃO HOMENAGEADOS












Os alunos do professor Aparecido do 6º ano E/D/F/G, que apresentaram bom desempenho em sua aprendizagem nos 3º e 4º bimestres, foram homenageados no dia 04 de dezembro.
Os alunos destaques receberam como homenagem medalhas e os cumprimentos dos representantes dos segmentos da escola. Estes alunos avançaram em seus conhecimentos no Componente Curriclar de Língua Portuguesa.

Alunos destaques com ótimo desempenho no ano letivo de 2009:

* Isadora 6º ano D, * Kamyla 6º ano E,

* Hariany 6º ano F, *Vinícius ano 6º ano G.
Texto : Giovanni
Fotos :Álex



ALUNOS DO 6º ANO EXPÕEM TRABALHOS DAS AULAS DE ARTES



Os alunos do 6º ano 'H 'expuseram os trabalhos confeccionados nas aulas de Artes da professora Carol.
Os trabalhos foram realizados ilustrando o conteúdo Arte Grega. Neles os alunos desenharam e pintaram alguns dos deuses gregos.

Texto e fotos: Giovanni

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

RELATO DE EXPERIÊNCIA DA RENATA

Na semana do trânsito realizamos algumas atividades nas aulas de Língua Portuguesa para participar do Projeto de nossa escola e também para sempre relembrarmos a importância de conhecer e respeitar às leis do trânsito.
1º Fizemos uma leitura para conhecermos os direitos e os deveres dos pedestres.
2º Fomos para sala de informática onde produzimos frases sobre o trânsito e também usamos nossa criatividade para fazer um desenho envolvendo o trânsito consciente.
3º Hoje realizamos atividade de grupo na sala, produzimos cartazes com meios de transporte e frases de conscientização para o trânsito.
Essas aulas sobre o trânsito me trouxeram mais experiência e cuidados, porque do mesmo jeito que um pedestre tem direitos ele também tem deveres, passar na faixa, andar na calçada, etc.
Eu adorei essas aulas, pois aprendi muito.

Autora : Renata Bianca R. da Rocha , 7º ano turma E.
Professora: Deise Componente curricular : Língua Portuguesa.

TRABALHOS DOS ALUNOS DA SALA DE RECURSOS GANHAM DESTAQUE


A professora Mírian, responsável pela Sala de Recursos, expôs no dia 07/12, os trabalhos dos alunos que participam das aulas diferenciadas e específicas das turmas.

O trabalho foi desenvolvido com todos os alunos que frequentam as aulas na Sala. O tema do trabalho, como todos poderão Ver e Apreciar, foi o Presépio de Natal.

Texto: Giovanni
Fotos: Professora Mírian

MOMENTO RECREATIVO DO 5º ANO

os alunos do 5º ano participaram no dia 04 de dezembro do Momento Recreativo promovido pela Equipe Gestora e professores.

O Momento Recreativo foi criado para valorizar e incentivar a assiduidade e a integração das turmas.
Os alunos puderam participar de brincadeiras e jogos juntamente com seus professores.

REUNIÃO PEDAGÓGICA DE DEZEMBRO


No dia 04 de dezembro ocorreu a última Reunião Pedagógica do ano de 2009.
Na ocasião se reuniram os professores da educação infantil e ensino fundamental e Equipe Gestora Escolar para tratarem do Calendário Escolar 2010 e avaliação da prática pedagógica do ano de 2009.


Texto e fotos : Giovanni

Arquivo do blog

BUSCAR NESTE BLOG

REFLEXÃO:


Clique na imagem para visualizá-lo.
;